AMITESP…

RUBINEIA PARTICIPA DE REUNIÃO DA

AMITESP NA CASA DO TURISMO, EM SÃO PAULO

Na tarde de segunda-feira, 13/03, o prefeito de Rubineia, Cidão Goulart, e o secretário de Turismo, Carlos Fernando da Silva, participaram de uma reunião de trabalho na Casa do Turismo, no Largo do Arouche, em São Paulo. Na reunião, promovida pela AMITESP – Associação das Prefeituras dos Municípios de Interesse Turístico do Estado de São Paulo, presidida por Daniela de Cássia Santos Brito (prefeita de Monteiro Lobato) e a AMITur – Associação Brasileira dos Municípios de Interesse Cultural e Turístico, presidida por Jarbas Favoretto, receberam 25 prefeitos (as) e gestores de turismo, com os quais deliberou sobre a seguinte Ordem do Dia: a) – Leitura, Discussão e Votação da Ata da Assembleia anterior; b) – Comunicações da Presidência; c) – Comunicação sobre o andamento dos Processos já em tramitação e a posição dos que ainda não tramitaram; d) – Orientação sobre as questões mais importantes a serem observadas na confecção dos Projetos; e) – Apresentação e orientação do Sr. Antônio Serralha, diretor do DADETUR; f) – Palavra livre aos Prefeitos e Prefeitas presentes; g) – Demais interesses da instituição.  Na oportunidade, o prefeito Cidão Goulart destacou o bom trabalho realizado pelo turismo de Rubineia, que a colocou entre as 14 cidades que tiveram seus projetos aprovados pelo corpo técnico da Secretaria Estadual, e informou que Rubineia esta se planejando para utilizar os recursos oriundos do MIT, para investimentos em infraestrutura e desenvolvimento do turismo, além da participação em feiras e eventos turísticos, com a distribuição de folheterias, como folders e cartões postais que divulgam as belezas e o potencial turístico, a gastronomia e as manifestações culturais locais e regionais.

Com a promulgação da Lei 1.261/2015, foram criados os Municípios Turísticos do Estado de São Paulo, que agrega as 70 estâncias turísticas e 140 municípios de interesse turístico, os MITs, totalizando 210 municípios indutores do turismo, além dos programas da Secretaria Estadual que trabalha de forma segmentada e regionalizada, envolvendo os 645 municípios paulistas. 14 municípios tiveram seus projetos aprovados pelo corpo de técnicos da Secretaria Estadual, entre eles Rubineia, que aguardam pela votação dos deputados na Assembleia Legislativa para que possam receber recursos da ordem de R$ 550 mil/ano.

SHARE